Home
História Slowly
Shori
Shori | 🇵🇱 Polônia
Escolha do Editor
Tudo começou com as palavras "Vamos dar uma chance à autocombinação" - em breve nós iremos morar juntos.

Originally written in English. Translated by Lucas Oliveira.

Eu sempre quis ter amigos por correspondência mas nunca soube onde começar essa jornada. Quando eu vi o Slowly nos aplicativos recomendados eu baixei imediatamente. Foi em dezembro de 2018, eu criei minha conta mas estava muito tímida e ansiosa para escrever pra alguém primeiro. Então eu esperei… eu recebi algumas cartas, troquei meus pensamentos e sentimentos com algumas pessoas, mas nada daquilo parecia a verdadeira amizade por correspondência que eu estava procurando. E um dia eu recebi uma carta Dele, Renz0, apenas uma saudação casual, perguntando sobre meus hobbies e coisas que a gente tinha em comum. Naquele momento era apenas uma carta como qualquer outra, mas eu a respondi, já que parecia que realmente teríamos interesses e paixões semelhantes.

Depois de algum tempo e muitas cartas, nós começamos a conversar sobre nossas vidas, nossos planos para o futuro, sentimentos verdadeiros e medos. Eu, polonesa de 23 anos, vivendo minha vida chata e estudando na Polônia e Ele, italiano de 25 anos morando e trabalhando na Grécia. Me dei conta de como ele entendia bem todas minhas emoções e como eu podia me identificar com cada palavra que ele disse sobre si. Eu estava perdida no momento e parecia que ele também estava. As palavras dele foram meu guia quando eu precisava de alguém para segurar minha mão e me conduzir.

Nós estávamos escrevendo um para o outro todos os dias, com um tempo de entrega de 5 horas. Várias vezes eu fiz de tudo para não dormir, esperando por uma carta. Nós estávamos conversando sobre nosso dia-a-dia, compartilhamos muitos momentos felizes, engraçados, bobos, tristes e pacíficos. Nós lentamente começamos a construir um elo entre nossos mundos. Nos importávamos mais e mais um com o outro e essa amizade à distância começou a evoluir para uma coisa meio “alma gêmea”.

Um dia ele me perguntou se eu gostaria de fazer uma ligação de voz. Nós já havíamos trocado alguma fotos, mas chamada de voz era um passo à frente. Eu estava apavorada, mas ao mesmo tempo entusiasmada! Eu concordei e no dia seguinte nós ligamos. O começo foi difícil para mim, eu estava super insegura sobre as minhas habilidades de fala no inglês, mas eu me abri depois de um tempo. Depois de dois meses de amizade por correspondência nós começamos a conversar diariamente em outras plataformas, as chamadas de voz se tornaram chamadas de vídeo e nós dois sentimos como se tivéssemos achado alguém especial.

Eu comecei a sentir que ele se tornou mais que um amigo para mim. Eu saí recentemente de um relacionamento de longo prazo, ele parecia bem solteiro também, então quando ele perguntou se eu queria visitá-lo na Grécia eu realmente quis dar uma chance. Continuamos a dizer a nós mesmos para não criarmos nenhuma expectativa e, ao mesmo tempo, nós dois sentíamos necessidade de nos vermos. Eu senti a necessidade de descobrir se ele era minha alma gêmea.

Em março de 2019, nos encontramos pela primeira vez. Minha ansiedade estava gritando na minha cabeça: “Corra! Você não é o suficiente!” Eu nunca estive tão estressada em toda minha vida. Tudo ficou quieto quando nos vimos. Era óbvio que tinha muito mais que apenas uma amizade entre nós. Nós passamos alguns dias andando pela cidade, passeando, deitando na praia, conversando toda noite e aproveitando nosso tempo juntos. No último dia da minha visita nós tivemos uma conversa séria. “E agora? Nós devemos apenas voltar para as nossas vidas? Nós devemos resolver isso de algum jeito?” Eu tinha tantas perguntas na minha cabeça e tão poucas respostas. Nós dois estávamos com medo mas, ao mesmo tempo, nós realmente sentíamos que aquilo entre nós era especial. Foi quando nosso relacionamento à distância começou.

Desde então nos vimos várias vezes e nosso relacionamento se fortalece a cada dia. Estamos oficialmente juntos há 3 meses agora. Talvez nós ainda não saibamos tudo sobre o outro, mas estamos trabalhando nisso. A distância, a barreira linguística, até mesmo minha ansiedade – eu consigo superar isso tudo quando ele está ao meu lado. E em breve será ainda mais fácil já que esse relacionamento não será mais à distância. Até o final de Julho vamos começar a morar juntos na Grécia e eu espero que o futuro esteja guardando muito mais para nós.

Se alguém tivesse me dito há um ano que minha alma gêmea é um rapaz italiano que eu vou conhecer no Slowly, nós trocaremos cartas e então nos encontraremos e vamos nos apaixonar, eu nunca acreditaria. E aqui estou eu, loucamente apaixonada por esse garoto, que deu uma chance à autocombinação. E tudo aconteceu graças ao Slowly e seu algoritmo de auto-match. A todos aqueles por trás do aplicativo Slowly – Pessoal, vocês estão fazendo um trabalho incrível! Palavras não podem descrever quão agradecida eu estou. Esse aplicativo nos dá a oportunidade de conhecer pessoas maravilhosas que pensam e sentem como a gente. Deve haver centenas de amigos e casais que se encontraram graças a vocês. E como vocês podem ver, o algoritmo de auto-match funciona muuuuito bem!

Obrigada, Slowly ❤️️
-Shori

PS.: Eu anexo uma foto nossa tirada da última vez que nos vimos – espero que isso mostre a muitos outros casais por aí que eles podem tornar o impossível possível!

 Envie sua história

SLOWLY

Conecte-se com o mundo agora!

SLOWLY ajudou 3,009,000 usuários construindo mais de 13,465,000 amizades.